Usamos cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Moradores reclamam de barulho e sujeira deixada por jovens no Jardim Nova Itália

Moradores relatam que jovens se reúnem em um trailer de tchay durante a madrugada e deixam o local sujo


Por Leticia Viganó Publicado 28/05/2023
Moradores reclamam de barulho e sujeira deixada por jovens no Jardim Nova Itália
Foto: Arquivo pessoal / Educadora

Moradores do Jardim Nova Itália, em Limeira (SP), reclamam da sujeira deixada por jovens após uma aglomeração na Praça Doutor Milton Silveira, realizada na madrugada deste sábado (27). De acordo com os moradores, em praticamente todo final de semana muitos jovens se reúnem em um trailer de tchay e ficam no local com som alto durante boa parte da madrugada.

“A gente tem criança pequena e não consegue dormir por causa da gritaria e da zona que fica até altas horas”, disse uma das moradoras da região. Ela afirma que após a aglomeração o local fica completamente sujo, com garrafas de bebidas, copos de plástico e embalagens.

Além disso, a limeirense conta que diversas vezes flagrou jovens fazendo xixi e cocô no muro da casa dela. Um dos vizinhos ainda relata que já viu vários casais tendo relações sexuais na Rua Luís Simoni, que fica próxima ao trailer de tchay.

“O pior é dormir mal por causa do barulho e no outro dia acordar e ver seu muro todo sujo, com camisinha espalhada pela calçada e até calcinha no meio da rua. É uma pouca vergonha”, relata a limeirense.

Os moradores afirmam já acionaram a Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar mais de uma vez, porém não houve intervenção.

JARDIM ANAVEC

Outro caso chegou à Educadora envolvendo um bar que tem causado transtornos aos moradores da região. O estabelecimento, que fica na esquina entre a rua José Paschoalon e a Rua Emílio Kuntz Busch, no Jardim Anavec, em Limeira (SP), foi alvo de reclamações devido ao som alto. Veja as imagens enviadas à Educadora.

O caso já chegou ao conhecimento da associação Paladar e algumas orientações foram passadas aos donos dos bares, entre elas, respeitar a legislação, ter acústica adequada, etc. “A Prefeitura, por meio dos departamentos de fiscalização, informa que fiscais estiveram no local e fizeram o encerramento das atividades (música ao vivo) por estar sendo exercida fora do horário que eles têm licença. Também está sendo providenciado procedimento administrativo para desenquadramento do MEI, por exclusão do simples nacional”.

✅ Quer receber mais conteúdo? Clique aqui e siga o Canal eLimeira Notícias no WhatsApp.