Usamos cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Professor acusado de homicídio em Limeira é condenado a 28 anos de reclusão

Ele se tornou réu pelo homicídio do professor José Roberto da Silva, de 39 anos, conhecido como Beto Curi, em 2016


Por Leticia Viganó Publicado 09/02/2024
Professor acusado de homicídio em Limeira é condenado a 28 anos de reclusão
Foto: Google Street View

O professor Eliel Alexandre da Silva, acusado de homicídio de outro professor em 2016, foi condenado a 28 anos de reclusão pelo Tribunal do Júri de Limeira (SP), nesta quinta-feira (8). Ele se tornou réu pelo homicídio de José Roberto da Silva, de 39 anos, conhecido como Beto Curi.

Beto Curi foi alvejado em seu carro no dia 10 de janeiro de 2016, na Avenida Dr. Antônio de Luna, no Parque Residencial Aeroporto. Durante a investigação, a Polícia Civil descobriu ameaças de morte feitas por Eliel contra a vítima.

As ameaças seriam por causa de um suposto relacionamento amoroso entre Beto e a ex-mulher do acusado. As apurações ainda apontaram que no dia do crime, a vítima foi atraída até o local depois de receber uma mensagem de uma mulher e marcar um encontro.

Ao final das investigações, Eliel foi acusado pelo Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP) de participação concorrente no crime e ele foi denunciado por homicídio qualificado: motivo fútil, por meio cruel, mediante emboscada e recurso que dificultou a defesa da vítima.

✅ Quer receber mais conteúdo? Clique aqui e siga o Canal eLimeira Notícias no WhatsApp.