Usamos cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Mesmo sem ser campeão, Aguero ignora regra e levanta taça da Copa do Mundo

Conforme regra da Fifa, apenas os campeões mundiais podem tocar na taça da Copa do Mundo


Por Folhapress Publicado 18/12/2022
copa do mundo 2026
copa do mundo 2026

O ex-jogador Sergio Agüero participou da festa da seleção argentina neste domingo (18) após a conquista da Copa do Mundo do Catar e, mesmo sem fazer parte do elenco tricampeão, quebrou a regra e tocou o troféu da Fifa.


Conforme regra da Fifa, apenas os campeões mundiais podem tocar na taça da Copa do Mundo.


Argentino, Kun Aguero foi para o Qatar como espectador e, dessa forma, não poderia levantar o troféu durante a festa do tri. O ex-jogador, porém, ignorou a norma e tocou, e muito, a taça dourada.


Vestindo a camisa 19 -que pertence originalmente a Nicolás Otamendi- Aguero foi a campo após o apito final para comemorar o feito dos ex-companheiros de seleção argentina. O ex-atacante, porém, se empolgou, subiu no palanque e levantou a taça do Mundial como se tivesse feito parte da conquista.


Aguero voltou a “ostentar” a taça enquanto Messi deixava o gramado do Lusail Iconic escoltado. Com muitas dificuldades para se dirigir ao túnel, o camisa 10 entregou o troféu ao amigo e ex-companheiro de seleção.


Esta não é a primeira vez que o ex-jogador se “camufla” no elenco da seleção argentina.
Ele participou do treino da última sexta-feira (15), vestindo o mesmo uniforme dos demais jogadores.


Aguero ainda participou de uma disputa de pênaltis com o preparador de goleiros, Martín Tocalli.
E pensar que esta Copa do Mundo começou com o ex-atacante sendo “atormentado” pelos brasileiros em voo para o Qatar.

✅ Quer receber mais conteúdo? Clique aqui e siga o Canal eLimeira Notícias no WhatsApp.